Arrecadação Mitsubishi

A ação social Mitsubishi Pró Brasil, presente nos ralis Mitsubishi Motorsports e Mitsubishi Outdoor, comemora a arrecadação de mais de 100 toneladas de alimentos em 2011 e a impressionante marca de 777 toneladas arrecadadas e centenas de entidades sociais beneficiadas em todo o Brasil desde a criação do evento, em 1994.

“Desde o início do Mitsubishi Motorsports realizamos a ação social. Não cobramos taxa de inscrição para as duplas participarem, apenas pedimos as doações. Hoje arrecadamos e doamos cerca de 10 toneladas de alimentos em cada etapa que fazemos em várias regiões do Brasil. Vemos isso como uma forma da Mitsubishi e os participantes agradecerem à cidade por nos receber”, disse Corinna de Souza Ramos, diretora de Projetos Especiais da Mitsubishi Motors.

Arrecadação Mitsubishi

Cada dupla que participa da competição faz a doação de 30 quilos de alimentos e um kit com produtos de higiene. Na temporada de 2011, 27 entidades sociais, de 11 cidades, foram beneficiadas com as doações.

“A importância desse projeto está diretamente ligada à responsabilidade social da Mitsubishi. Responsabilidade essa traduzida em ação, transformando o prazer dos participantes em benefício de outros. O que foi arrecadado é de grande valia, porém, a conscientização desse ato, fala mais alto. Esperamos que esta semente germine e frutifique em mais ações”, disse Laura Helena, diretora presidente do Grupo de Apoio ao Indivíduo com Autismo (GAIA), de São José dos Campos, uma das entidades beneficiadas.

Para o Grupo de Apoio à Criança com Câncer (GACC) de Salvador (BA), as doações deste ano beneficiaram mais de 220 crianças atendidas pela instituição. “A preocupação da Mitsubishi em ações sociais é muito relevante para as instituições. Ter como apoiadora uma empresa de grande porte agrega valor à marca das instituições do terceiro setor”, disse Roberto Sá Menezes, presidente do GACC.

E as arrecadações não param. A temporada 2012 vem aí com mais novidades. É a Mitsubishi Pró Brasil acelerando fundo na solidariedade.

Fotos: Divulgação/Marcelo Maragni